Google+
  somat@somat.com.br    
  [21] 3094-8250  
 

Leitura

0

Auditoria Contábil

Auditoria é um exame cuidadoso e sistemático das atividades desenvolvidas em determinada empresa ou setor, cujo objetivo é averiguar se elas estão de acordo com as disposições planejadas e/ou estabelecidas previamente, se foram implementadas com eficácia e se estão adequadas (em conformidade) à consecução dos objetivos. As auditorias podem ser classificadas em: auditoria externa e auditoria interna. Enquanto a primeira é realizada por um profissional sem vínculos empregatícios com a empresa, a segunda é feita por um profissional da própria empresa, com o propósito de monitorar e avaliar os controles internos. Atualmente, a auditoria externa se distribui em diversas áreas de gestão, havendo várias ramificações: auditoria de sistemas, auditoria de recursos humanos, auditoria da qualidade, auditoria de demonstrações financeiras, auditoria jurídica, auditoria contábil, etc. Os...
0

Ativo

O ativo compreende, de forma simplificada, os bens e os direitos da entidade expressos em moeda; Caixa, Bancos (ambos constituem disponibilidades financeiras imediatas), Imóveis, Veículos, Equipamentos, Mercadorias, Títulos a Receber, Clientes (estes últimos sendo quantias que terceiros devem à entidade em virtude de transações de crédito, como empréstimos de dinheiro ou vendas a prazo) são alguns dos bens e direitos que uma empresa normalmente possui. Do ponto de vista contábil significa o elemento de que dispõe uma empresa ou entidade para a obtenção de seus fins; é dito também: bem patrimonial ou bem contábil. Os bens são geralmente formados por materiais que contribuem direta ou indiretamente para a criação do redito ou a obtenção do fim aziendal. São também denominados Bens Atualmente o grupo de...
0

Receita divulga regras do IR 2014; veja quem tem de declarar

A Receita Federal do Brasil publicou nesta sexta-feira (21), no “Diário Oficial” da União, a instrução normativa que define as regras do Imposto de Renda pessoa física 2014 (relativo ao ano de 2013). O documento determina quem é obrigado a declarar, quais os prazos e as multas. Entre os que devem declarar, estão os que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 25.661,70 ou rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte acima de R$ 40.000,00. Rendimento tributável, por exemplo, é o salário. Rendimento isento ou não tributável pode ser uma indenização trabalhista. Também é obrigado a apresentar o IR quem investiu em ações ou tinha bens acima de R$ 300 mil em 2013. A declaração deve ser entregue pela internet. Será possível fazer o…

1

Assessoria Contábil, Fiscal e Trabalhista

A assessoria contábil, fiscal e trabalhista é o trabalho desenvolvido por um profissional liberal ou uma equipe de profissionais da área de contabilidade que desenvolvem o trabalho de controlar e interpretar os fatos que ocorre diariamente dentro das organizações. Normalmente o atendimento é segmentado em setores, quais sejam: O setor de contabilidade avalia a possibilidade de integração das informações contábeis, a partir dos sistemas financeiros utilizados por nossos clientes. Caso o cliente não possua qualquer sistema internamente, recomendamos e orientamos a aquisição do sistema financeiro que atenda às suas necessidades e esteja de acordo com o tamanho de seu negócio. O setor fiscal é diretamente responsável pela apuração dos tributos diretos e indiretos das empresas. Prepara a escrituração dos livros fiscais usando sistema informatizado, também...
0

Ano Fiscal

Ano Fiscal ou Exercício Ano Fiscal ou Exercício é o período de tempo escolhido para se fazer a demonstração de resultados contábeis de uma empresa. O termo advém da prática da administração pública, que considera o exercício o período de tempo em que há a execução orçamentária. Dessa forma, o orçamento anual é aprovado em um ano (chamado de ano calendário pela legislação tributária da maioria dos países), para ser executado no ano seguinte, que seria o exercício financeiro. Em geral, o exercício possui a duração de um ano civil (365 dias) ou ano comercial (360 dias). Mas o exercício societário pode durar mais ou menos do que um ano: dependendo do ciclo operacional empresarial ou fatores excepcionais como encerramento das atividades. No Brasil, o...
3

Alteração de Contrato Social

Após constituição e legalização da sociedade, o negócio pode se diversificar, tornando seu ramo de atuação mais abrangente. Ou, até, uma aposta pode não dar certo e o empreendedor precisa mudar seu foco. Todas essas alterações, seja alteração de razão social, ingresso ou saída de sócios, aumento ou redução de capital, mudança de atividade ou endereço ou nomeação de administrador, são permitidas pela lei, desde que colocadas no contrato social da empresa, este procedimento denominamos Alteração Contratual acréscimo. O primeiro passo é alterar o contrato social da empresa e fazer o registro da modificação na Junta Comercial. Depois, o empreendedor deve procurar os órgãos governamentais nos quais a empresa tem registros (prefeitura, governo estadual, Receita Federal etc.) e comunicar as mudanças. Um exemplo: O empresário…

Floating Widgets