Prestador de serviço autônomo precisa de CNPJ? Saiba tudo sobre o assunto!

Um Prestador De Servico Autonomo Precisa De Cnpj Blog - Contabilidade no Rio de Janeiro

Compartilhe nas redes!

Prestador de serviço autônomo, você precisa de CNPJ? Leia e entenda!

Entenda, de uma vez por todas, se o prestador de serviço autônomo precisa de CNPJ

Trabalhar como autônomo é uma opção escolhida por muitas pessoas que estão iniciando seu trabalho de prestadores de serviços.

Trata-se de uma opção atrativa devido à maior flexibilidade de horários, à maior autonomia financeira e à possibilidade de ser o seu próprio chefe.

Entretanto, são muitas as dúvidas em torno do prestador de serviço autônomo. Afinal, esses profissionais precisam de CNPJ? Qual a opção mais vantajosa para esses profissionais, seguir como autônomo ou atuar como PJ?

No artigo de hoje, vamos esclarecer suas dúvidas sobre o assunto. Confira!

O que é um prestador de serviço autônomo?

O prestador de serviço autônomo atua sem gerar vínculo empregatício com as empresas. Ele atua com autonomia e liberdade, sem precisar cumprir ordens de um superior, além de possuir flexibilidade de horários.

 Ademais, para exercer sua atividade, ele não precisa possuir qualificação ou certificado. Por isso, costuma ser uma opção atrativa para esses profissionais.

 Vale ressaltar, contudo, que, por não trabalhar com vínculo empregatício, o prestador de serviço autônomo não terá os direitos trabalhistas previstos na CLT, como 13º, FGTS, férias remuneradas, hora extra e seguro-desemprego.

 Mas e em relação ao CNPJ? É necessário obter CNPJ para atuar como autônomo? Veja a seguir!

Veja também:

Prestador de serviço autônomo precisa de CNPJ?

Não! O prestador de serviço autônomo não precisa de CNPJ para atuar. Entretanto, atuar como CNPJ, formalizando suas atividades, pode ser uma opção bastante vantajosa, tendo em vista que será possível:

  • Emitir notas fiscais;
  • Abrir conta bancária como pessoa jurídica;
  • Ter acesso a melhores condições de crédito bancário e a financiamentos;
  • Pagar menos impostos do que como pessoa física;
  • Maior credibilidade junto aos seus clientes;
  • Participar de licitações;
  • Prestar serviços para órgãos do governo.

Ao se tornar um Microempreendedor Individual (MEI), por exemplo, você passará a pagar uma guia de recolhimento mensal (DAS) que reúne os tributos devidos à sua atuação profissional e poderá aproveitar benefícios previdenciários do INSS, como aposentadoria, auxílio-doença, pensão por morte etc.

Prestador de serviço autônomo ou PJ: qual a melhor opção?

Com base no que foi apresentado anteriormente, foi possível observar que abrir CNPJ e passar a atuar como PJ pode ser uma opção bastante vantajosa para o prestador de serviço autônomo.

Isso porque, como autônomo, você ainda precisa realizar o pagamento de tributos devidos, como o INSS e o ISS, além de precisar pagar e declarar o IRPF caso se enquadre nos critérios de obrigação.

Dessa forma, é necessário preencher o Carnê-leão, recolhendo os seus impostos devidos mensalmente. Dependendo do seu faturamento, esses impostos podem ser bastante altos, tendo em vista que as alíquotas são aplicadas sobre o lucro líquido.

Sendo assim, ao abrir um CNPJ como MEI, por exemplo, você poderá reduzir sua carga tributária, além de aproveitar todas as vantagens que foram citadas no tópico anterior.

Porém, como abrir CNPJ e de que modo formalizar sua profissão de maneira segura, rápida e econômica? Nós podemos ajudar você!

Conte com a Somat Contadores!

Nós, da Somat Contadores, somos uma contabilidade especializada para prestadores de serviços no Rio de Janeiro com vasta experiência no mercado, auxiliando na abertura de CNPJ, na formalização e legalização de empresas, além de prestar serviços nas áreas contábil, fiscal, trabalhista e muito mais.

Desse modo, temos a expertise de que você precisa para ajudar você, prestador de serviços, a aproveitar as melhores oportunidades para fazer o seu negócio crescer em segurança e gerar bons frutos.

Então, não perca mais tempo e nos envie uma mensagem agora mesmo para que possamos ajudar você!

CLIQUE AQUI PARA CONTAR COM O SUPORTE QUE VOCÊ PRECISA PARA A SUA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS!

5/5 - (1 vote)
Summary
Prestador de serviço autônomo precisa de CNPJ? Saiba tudo sobre o assunto!
Article Name
Prestador de serviço autônomo precisa de CNPJ? Saiba tudo sobre o assunto!
Description
Prestador de serviço autônomo, você precisa de CNPJ? Leia o artigo que preparamos e confira tudo o que você precisará fazer!
Author
Publisher Name
Somat Contadores
Publisher Logo

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Recomendado só para você
CLT ou PJ: saiba como escolher a opção mais vantajosa!…
Cresta Posts Box by CP